terça-feira, 12 de maio de 2009

A guerra da bola na TV


Jornal de Hoje.


A TV Globo não pára de anunciar que estamos diante do início do maior espetáculo da Terra, o campeonato de futebol do Brasil que até poucos meses atrás era tido, quase por unanimidade, como um evento condenado à extinção em curto prazo. O que levou a poderosa Rede Globo a dar tamanho tratamento ao nosso combalido esporte bretão, herança de Charles Miller, em solo paulista, e de Hans Nobiling e Oscar Cox, em terrenos cariocas? Acaso irrompeu, subitamente, um amor pela bola? Não, meus amigos e inimigos. A Globo não morre de amores por nada no mundo que não sejam audiência e inserções comerciais. A empresa dos Marinho tem sangue de barata e alma de publicitário, não necessariamente nesta ordem e composição.
Estamos, nós os telespectadores, como cegos no meio de um tiroteio. Estamos diante de uma batalha midiática e mercantilista que envolve o domínio da audiência esportiva no Brasil, onde se digladiam a Rede Record, num lado, e a Globo e Band, no outro.
Emulada no marketing pessoal planejado pela assessoria do jogador Ronaldo Nazário – e agora reforçada com a chegada de Adriano no Flamengo – a Globo tenta resgatar o glamour, há muito perdido, do futebol tupiniquim, ameaçado pelas ligas européias. Poucos perceberam que o jornalismo global já não está mais cobrindo as finais da Copa dos Campeões da Europa, um produto exclusivo da Record no campo das televisões abertas. A ordem é levantar a bola das séries A e B do Brasileirão (ou Brasileirinho?).
No meio da guerra em busca das trincheiras da audiência, quem acaba perdendo é a verdade e o próprio jornalismo, vítimas dos exageros nas manchetes dos programas globais vendendo a mentira de que a imprensa do mundo destaca o nosso futebol. Até o sempre metódico e discreto jornalista José Geraldo Couto, da Folha de S. Paulo, acabou aliciado pelo espírito apologético da Globo com o campeonato nacional, e imagina o “maior espetáculo da Terra” nos esburacados gramados de Pindorama. Mas mesmo com todo o poder de mobilização da famigerada “mídia-mãe”, não vai ser fácil arrancar a bunda do torcedor do sofá de casa para fazê-la sentar nas duras e frias arquibancadas brasileiras. O público dos estádios diminui a olhos vistos.
Semana retrasada, na mesma noite em que Corinthians x Santos faziam a finalíssima do Paulistão (que Juca Kfouri chama de Paulistinha), reunindo uma média de 30 mil torcedores, o cantor Geraldo Azevedo atraía 80 mil para as ruas de Sampa. E olhem que não me refiro a um artista de ponta, no quesito mercado, como Roberto Carlos e Caetano Veloso ou as bandas da hora do rock e do pagode nacionais. Em Natal e Recife, por exemplo, Geraldinho não soma isto em 30 dias de show ininterrupto.
A verdade verdadeira, meus amigos e inimigos, é que a Record (sem falar das TVs fechadas como os canais ESPN) está roubando preciosas fatias de audiência da Globo com as transmissões do futebol pela Europa e outros esportes pelo mundo afora. A emissora do bispo Macedo percebeu uma tendência nacional, viu o óbvio ululante na louvação das novas gerações pelos campeonatos e craques do futebol europeu. Com a exclusividade na tela inimiga, não restou à Globo senão tentar soerguer a bola local. Até em Natal já é possível perceber um fenômeno que tomou conta dos bares, restaurantes e shoppings cariocas e paulistanos: as TVs do tipo plasma e LCD, como telas alternativas de cinema, transmitindo jogos da Espanha, Itália e Inglaterra. Em São Paulo, por exemplo, as camisas do Barcelona, Real Madrid, Milan e Manchester disputam o volume de vendas com a do Santos. No point gastronômico dos ricos e famosos, na Rua Amauri e adjacências, as TVs estão ligadas no futebol.
O aumento da audiência dos canais ESPN com o futebol europeu em todo o Brasil é estratosférico. O profissionalismo e organização das ligas provocam um glamour que atrai as atenções de uma faixa etária no Brasil entre 12 e 35 anos. Renovação pura e simples. No plano aberto, a Rede Record percebeu o filão e vai comendo pelas beiradas enquanto a Globo explora o emocional pátrio dos bobos, e já reproduzindo o mesmo clima de 2005, quando acabamos formando uma pífia seleção brasileira no ano seguinte. Espero que o torcedor brasileiro consiga abrir dos olhos e entender que não podemos repetir em 2010 o mesmo erro do fracasso na Copa de 2006. Nós perdemos o penta por causa de uma geração velha e cansada, que está prestes a ir para a África do Sul. Até lá, me envolvo também na guerra ibopeana das TVs, optando pela trincheira da Record e o glamour do rico e organizado futebol europeu. Mesmo sabendo que ao trilar do apito é preciso fugir das orações dos pastores, piores que qualquer pelada da Globo.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Contador de acessos

Marcadores

pt (25) enquete (17) Dilma (15) cinema (15) brasil (12) futebol (11) f1 (10) corrupção (9) esporte (9) desgoverno pt (8) mensalão (8) comunismo socialismo (7) curiosidade (7) eua (7) lula (7) Lula corrupto (6) corruptos (6) humor (6) comunistas (5) copa 2014 (5) mundial (5) tv (5) youtube (5) Thatcher (4) basquete (4) derrota (4) esquerda (4) filme (4) governos militares (4) presidente (4) Estátua de lula (3) Reagan (3) economia (3) eleição (3) globo (3) lulálcool (3) natal (3) orkut (3) tecnologia (3) video (3) 31 de Março (2) 80s (2) Brasileiros (2) Carros caros (2) Flashback (2) Forró (2) Impeachment (2) Itamar Franco (2) Mixed set (2) Natal 2014 copa (2) PC do B (2) Piada besta (2) TV aberta (2) ayrton (2) battisti (2) bin laden (2) bolsa família (2) chavez (2) che assassino (2) deputados (2) e-mail (2) escandalo (2) esquerdismo (2) família sadia (2) feminismo (2) gisele bundchen (2) governador (2) idiotas úteis (2) inflação (2) inglaterra (2) justiça (2) marxismo (2) marxistas (2) mentira (2) micarla (2) mixtape (2) mulher (2) neymar (2) obama (2) pachecada (2) politicamente incorreto (2) porno (2) quadrilha do pt (2) racismo (2) ronaldinho (2) set mixado (2) stf (2) venezuela (2) viadagem (2) violencia (2) 1000 gols (1) 1000 postagens (1) 2011 (1) 27 anos (1) 60000 VISITAS (1) 7 de setembro (1) ABC FC (1) Adesivo para carro (1) Amy and Tony (1) Arena das dunas (1) BBB (1) Bolsonaro (1) Capitalismo (1) Comissão da verdade (1) Comunismo (1) Dance music (1) Diário de Natal (1) Do Fundo do Baú (1) Dominguinhos (1) Dívidas interna e externa (1) Elefante contra leões (1) Eleições livres (1) Elvis Preley (1) FHC (1) FHC demagogo (1) Feliz Natal (1) Fidel Castro (1) Franklin Martins (1) Gaddafi (1) Hugo Chavez (1) INELEGIVEIS (1) Igreja Católica (1) Jabor (1) Jesus Cristo (1) José alencar (1) Juizes e promotores (1) Lampião (1) Lula bêbado (1) Lula comunista (1) Lula e Fidel (1) Lula mentiroso (1) Lula multado (1) Luladrão (1) Mano Brown (1) Michael Jackson (1) Monteiro lobato (1) Mulheres (1) OVNIs (1) PM (1) Padre Fábio (1) Padre Marcelo Rossi (1) Pai nosso (1) Palocci (1) Patrulha ideológica (1) Paul McCartney (1) Paul o polvo (1) Petismo (1) Petralha (1) Prof.Amanda (1) Páscoa (1) Quem sou eu (1) Radicalismo gay (1) Roberto Carlos (1) Saramago (1) Serra 45 (1) Sousa (1) Trump (1) Twitter (1) Túlio maravilha (1) Wagner Moura (1) acessoria (1) adeus cachorro (1) afeganistão (1) amazonia (1) amigos (1) américa rn (1) anatomia de um nordestino (1) anticomunismo (1) arnaldo jabor (1) arte moderna (1) atraso nas obras (1) baianos (1) barretos (1) biografia (1) boca juniors (1) bozo (1) brasileiros otários (1) briga de gato (1) bueno (1) cai-cai (1) caiu na merda (1) calcinha (1) campeão (1) capoeira (1) carlinhos cachoeira (1) carnatal (1) carnaval não presta (1) carros e educação (1) cartas de natal (1) cbf (1) celulas-tronco (1) censo 2010 (1) charge (1) charme funk (1) chavismo (1) chivas 18 (1) chuva (1) chávez (1) cicarelli (1) cleber machado (1) comportamento (1) congresso nacional (1) congresso nacional do PT (1) conquista amorosa (1) conselho médico (1) coreia (1) costinha (1) cpi (1) craques (1) criança esperança (1) crise econômica (1) crise grega (1) crueldade com animais (1) cruz tribunais (1) cuba (1) dance underground 90s (1) demagogia (1) democracia (1) desarmamento (1) desrespeito religioso (1) destruição da família (1) didi (1) ditabranda (1) documentario (1) educação (1) ensino (1) entrevista (1) escroto (1) espanha (1) esquerda x direita (1) falência (1) ferias (1) ferreira gullar (1) fifa (1) fisiologismo (1) floresta (1) fora mano menezes (1) fracasso (1) futebol brasileiro (1) g1 (1) galvão (1) gasolina (1) gatos (1) governadores (1) gp (1) gretchem (1) guerra (1) gugu (1) henrique alves (1) herança maldita (1) heróis de filmes (1) heterossexual (1) hipocrisia contra a policia (1) homem (1) house music (1) humberto (1) igrejas evangélicas (1) impostos (1) imprenssa (1) internet (1) iraque (1) islamismo (1) jameson (1) jenna (1) jong-il (1) julgamento (1) juliana (1) kim (1) legalização (1) lewandowski (1) livros (1) locadora de mulher (1) luiz gonzaga (1) lulálcool bêbado (1) maconha (1) malandro (1) mandato (1) marcha das vadias (1) maçom (1) mega sena (1) memes dirty harry (1) miami (1) mixagens (1) morte de bezzero (1) mudanças sociais (1) musica (1) médicos cubanos (1) música (1) negra (1) nelson (1) nelson motta (1) nelson rodrigues (1) nina a hamster (1) nordeste (1) norte (1) oscar (1) paes (1) pan (1) paraguai (1) parreira (1) pedofilia (1) pele (1) pena de morte (1) piadas machistas (1) pirataria (1) playboy (1) podcast (1) politica brasileira (1) politica e internet (1) politica externa (1) política (1) ponta (1) povo (1) presidio (1) preto (1) professores (1) progressismo (1) ptc (1) rbd (1) reforma política (1) religião (1) remix (1) repressão (1) reveillon (1) ricardo texeira (1) rio são francisco (1) rolezinhos (1) romario (1) rosalba (1) rugby (1) sabão omo (1) saddan (1) sampa (1) sbt (1) senado (1) sergio (1) sergio cabral (1) severino (1) sexo e saúde (1) som automotivo (1) sos (1) steve jobs (1) suicidas úteis (1) terrorismo no brasil (1) times odiados (1) tiririca (1) torcer futebol (1) transposição (1) tribunais brasileiros (1) turistas (1) universidade (1) vagabundagem (1) vexame brasileiro (1) viado e sapatão (1) vice (1) violência (1) viver (1) volei (1) xaxá (1) xeque (1) yoani sánchez (1) zé lezin (1)
Este blog possui atualmente:
Comentários em Artigos!